Entenda de uma vez por todas o que são backlinks

Tempo de leitura: 4 minutos

Assim como qualquer área, o marketing digital tem as suas particularidades — e seus jargões. Para quem ainda não conhece, esses termos podem confundir. E quem já ouviu falar pode sempre aprofundar os conhecimentos, certo?

O backlink é uma dessas palavras. Já conhece? Sabe quais as vantagens para o rankeamento do site? Se sim, comente abaixo deste texto o que você acha dessa estratégia. Caso ainda não tenha tido contato com o termo, não se espante! Iremos explicar os principais pontos desse assunto. Boa leitura 🙂

 

Afinal, o que são backlinks

Os backlinks consistem em links presentes em um texto, para agregar informação a quem lê. Eles podem ser internos, ou seja, levam para páginas dentro do próprio site — esse é um exemplo.

Eles também podem ser externos, indicando uma página de outra hospedagem, para que agregue informação ao conteúdo. O indicado, claro, é que essa linkagem seja feita para um site de autoridade.

Backlinks x Link Building

Se você entende um pouco de SEO e/ou já vem acompanhando nosso blog, deve estar se perguntando qual é a diferença entre backlinks e link building, né? De fato, à primeira vista (ou seria lida?) os dois termos são bem parecidos.

Na verdade, a técnica de link building consiste exatamente em conseguir backlinks. Por meio de um serviço de assessoria de imprensa digital, é possível divulgar links para que sejam publicados. Assim, a página de destino (para onde os usuários pode ir se clicarem) sobe no conceito dos buscadores e fica bem rankeada.

Cabe ressaltar, no entanto, que não basta ter vários sites direcionando para uma páginas. Esses sites de hospedagem devem ser de qualidade! Afinal, se a audiência deles for boa, provavelmente, a página de destino terá mais acessos e possível conversão.

Acompanhe o nosso blog. Em breve faremos um conteúdo específico sobre as melhores estratégias de link building.

Tipos de backlinks

Há alguns tipos de backlinks. Vale a pena conhecê-los para pensar nas melhores estratégias de marketing. São eles:

  • link juice: esse termo representa os links que trazem o leitor de outra página da web, melhorando assim o rankeamento;

 

  • nofollow links: a tag nofollow é usada para evitar que alguns links sejam considerados para o link building de outras páginas. Por exemplo: quando alguém posta um link no comentário e ele não é confiável, isso pode comprometer o site. Mas não se o link for classificado como “nofollow”;

 

  • dofollow links: esse já é o contrário do nofollow. É a permissão para que todos os links sejam usados como backlinks, normalmente;

 

  • low quality links: como o próprio nome sugere, eles são links de baixa qualidade, que nada agregam ao conteúdo e ainda pode prejudicar a autoridade do site. São exemplos de low quality links sites pornográficos e spams;

 

  • internal links: sobre esse daqui já falamos, né? É simplesmente um link que leva para outra página do mesmo site;

 

  • root domains links: vamos supor que várias páginas de um mesmo site estejam utilizando um link seu. Para o Google, é como se fosse apenas um link, pois o que vale é o domínio,

 

  • anchor text: esse é o tipo de link que é inserido em uma palavra-chave específica. Se a ideia for direcionar para uma página de “celulares em promoção”, é recomendável colocar o link exatamente nessa expressão. E não em termos genéricos como “aqui”.

Case de sucesso da MGA Press

Nós conseguimos fazer o e-commerce Damyller saltar da 12º para a 2º posição do Google com o termo “calça jeans”. Veja só:

Essa evolução aconteceu em menos de dois meses e foi decorrente de um estratégico trabalho de link building. Conseguimos divulgação em diversos sites especializados, como Ellas Contam, Quadro Feminino e Dark Joana.

Além disso, nós ainda produzimos conteúdos — e links — para ficarmos bem rankeados! Veja só como a nossa agência está bem posicionada nos principais termos do nosso setor — sinal de que também cuidamos bem da “nossa casa”, né?

Backlinks são importantes? Sim!

É óbvio que os backlinks são importantes. Afinal:

Backlinks = Melhor rankeamento no Google = Maior tráfego no site = Mais conversão $$

Portanto, se você ainda está em dúvida se deve investir ou não em link building e outras estratégias de marketing digital, não perca mais tempo.

Quem deseja expandir os negócios não pode ignorar a mais poderosa ferramenta da atualidade: a internet. Independentemente do setor em que você atua, muito provavelmente uma significativa parte do seu público está na rede.

Então, onde você deve estar? Lá também! Aproveite para conversar conosco e tirar todas as suas dúvidas. Temos link building e outros serviços focados em comunicação digital.

 

Deixe Seu Comentário

Comentários