Quantcast

Franquias investem em integração de pontos de vendas

Tempo de leitura: 3 minutos

A transformação do consumidor tem feito as franquias apostarem em uma nova estratégia de comunicação e venda. É o omnichannel, conceito que representa a integração de diferentes canais.

 

Até pouco tempo, as marcas tratavam os compradores de duas maneiras distintas. Nas campanhas off-line, a linguagem era uma. Nas campanhas on-line, era outra. No entanto, ao perceber que o mesmo público podia estar nos dois lugares, as companhias começaram a rever isso, para se aproximarem do público-alvo.

 

Transformação digital

 

Os brasileiros estão comprando mais pela internet. Isso é um fato incontestável. No primeiro semestre deste ano, o e-commerce nacional faturou R$ 23,6 milhões, o que representa 12,1% a mais que no ano passado. É isso que indica a 38º edição do relatório Webshoppers da Ebit|Nielsen.

 

Para muitos, essa tendência pode ser aproveitada pelo setor de franchising. Nas plataformas on-line, os empreendedores podem analisar dados de consumo e ajudar a atender o consumidor da melhor forma.

Exemplos de omnichannel

 

Algumas academias estão permitindo que os clientes assinem o plano pela internet, seja pelo site ou por um app. Depois disso, as pessoas podem começar a treinar (presencialmente, óbvio) quando quiserem.

 

Além disso, há marcas que estão fazendo ações especiais, como o Boticário. A rede de cosméticos, eventualmente, faz promoções nas redes sociais e distribui amostras gratuitas. No entanto, para isso, o cliente precisa preencher um formulário e comparecer na loja para a retirada do produto.

 

Juntas, essas estratégias ajudam a criar novas oportunidades de venda. No primeiro caso, a facilidade de assinar um plano pode ser um motivo a mais para quem deseja ter uma vida mais ativa — mas sempre inventa uma desculpa.

 

Na situação das lojas que fazem ações especiais, a coleta de dados dos clientes pode ajudar a desenvolver uma comunicação mais direcionada. O envio de e-mail marketing é um desses exemplos. Já a ida à loja pode ser uma chance a mais de o consumidor conhecer novos produtos e, assim, ter o desejo despertado de comprá-los.

 

     

    Vantagens do omnichannel

    A adoção do omnichannel está diretamente associada à percepção do consumidor. Ao integrar os pontos de vendas e atendimento, a empresa oferece mais opções aos clientes, que podem escolher onde querem assinar um serviço ou fazer uma compra.

     

    Porém, mais do que o aumento de possibilidades, a estratégia de omnichannel permite conhecer melhor o perfil dos clientes, dependendo do segmento. Na prática, isso pode impactar diretamente na jornada de compra.

     

    Quer uma explicação mais clara? Ao fazer a comunicação apenas off-line, nem sempre a empresa consegue mensurar o comportamento do público. Já no ambiente on-line, há diversas ferramentas que podem ajudar a entender o público. Que tal saber quais produtos são mais vendidos e para quem? Essa e outras informações são facilmente respondidas por um plano integrado.

     

    Personalização é o segredo

     

    A possibilidade de monitorar de maneira mais assertiva o comportamento dos clientes ajuda a garantir resultados qualitativos. Nesse aspecto, as empresas ganham, entre outras vantagens: 

     

    • Possível redução de custos;
    • Análise da movimentação do cliente;
    • Gestão do estoque integrado;
    • Maior visibilidade,
    • Aumento do nível de satisfação.

    Investir em omnichannel não significa abandonar as estratégias tradicionais. Mas, apenas ter um olhar mais cuidadoso com relação ao futuro.

     

    O seu público está em todos lugares — e a sua marca também merece estar.

     

    Quer saber como investir em comunicação digital e na reputação do seu negócio? Agende uma conversa com a MGA Press, e contrate serviços de assessoria de imprensa para franquias!